só máscara - fundo preto.png
cd655fe61b7b15cf7019e2fdc5c5e29a.jpg

o excesso é a máscara da falta?

Performance e instalação, sacos de papel kraft, tinta acrílica e madeira, dimensões variáveis, tempo variável, 2022

Espanta a ideia de que uma pessoa crie máscaras porque não há possibilidade de tirar as suas próprias? Porque não vivemos sem máscara, criamos mais máscaras. Pelo menos foi o que Saul Steinberg e Inge Morath fizeram no começo do século vinte, vestindo e fotografando as pessoas e eles próprios com máscaras feitas com sacos de papel. Essas referências foram rebatidas em mim com uma pergunta que parece simples na sua formulação, mas que cria estrondos em nossas paisagens internas: o excesso é a máscara da falta?